DestaqueNotíciasPolítica

Nova pesquisa para governador de Mato Grosso do Sul, veja os números

Compartilhar:

A segunda pesquisa registrada do Instituto Ranking Brasil e divulgada neste domingo (10/04/22) revela os índices com intenção de voto para governador de Mato Grosso do Sul nesta eleição de 2022.

Foram entrevistados três mil eleitores acima de 16 anos em 30 municípios do Estado entre os dias 05 e 09 de abril de 2022. O levantamento tem os registros no TSE com os números: MS-09921/2022 e BR-04569/2022.

Eleições para governador (a)

Com a desistência do ex-governador Zeca do PT, a renúncia da prefeitura de Campo Grande por Marquinhos Trad e a desincompatibilização de Eduardo Riedel, o quadro teve poucas oscilações em relação à pesquisa anterior.

Se as eleições fossem hoje, o cargo de governador(a) em Mato Grosso do Sul seria decidido somente no 2º turno. Quatro candidatos aparecem embolados com chances reais de vitória: André Puccinelli, Rose Modesto, Marquinhos Trad, e Eduardo Riedel.

Espontânea

Na espontânea, o ex-governador André Puccinelli (MDB) tem 16,50% das citações, seguido pela deputada federal Rose Modesto (União Brasil) com 13,00%; em terceiro está o ex-prefeito de Campo Grande Marquinhos Trad (PSD) com 10,20%; em quarto lugar aparece Eduardo Riedel (PSDB) que pontuou 8,10%.

Depois aparecem, pela ordem, ex-governador Zeca do PT (PT) que desistiu de sair candidato, com 5,00% e o deputado estadual Capitão Contar (PRTB) com 1,10%. Outros candidatos somaram 1,00%. Brancos, nulos, indecisos, não sabem e que não responderam somam 45,10%.

Estimulada 1

Uma das simulações com a consulta estimulada, traz André Puccinelli na dianteira com 21,10% com Rose Modesto em segundo, com 18,40%. Em seguida estão Marquinhos Trad (15,30%), Eduardo Riedel (14,20%), Zeca do PT que desistiu de ser candidato (7,00%) e Capitão Contar (2,40%). Indecisos, votos nulos e em branco, não sabem e não responderam 21,60%.

Estimulada 2

No segundo cenário na estimulada com cinco nomes, André Puccinelli continua na dianteira, com 22,50%; Rose Modesto 20,10%; Marquinhos Trad (17,40%), Eduardo Riedel (16,20%) e Capitão Contar (2,70%). Indecisos, votos nulos e em branco, não sabem e não responderam 21,10%.

Estimulada 3

No terceiro cenário na estimulada com quatro nomes, André Puccinelli aparece com 23,10%; Rose Modesto 21,30%; Marquinhos Trad (18,60%) e Eduardo Riedel (17,00). Indecisos, votos nulos e em branco, não sabem e não responderam 20,00%.

Estimulada 4

No quarto cenário na estimulada com três nomes, André Puccinelli foi citado por 28,50% dos entrevistados; Marquinhos Trad pontuou 25,20% e Eduardo Riedel somou 24,70%. Indecisos, votos nulos e em branco, não sabem e não responderam 21,60%.

Rejeição

Na pergunta sobre em quem os eleitores não votariam de jeito nenhum, o mais citado é Zeca do PT, com 30,50%. O segundo em rejeição é André Puccinelli, com 21,20%, em terceiro lugar está Marquinhos Trad (16,20%), Capitão Contar (4,00%), Rose Modesto (3,30%) e Eduardo Riedel (2,60%). Os que não responderam ou não sabem, os que votam em branco ou anulam o voto e os indecisos somam 22,30%.

Dados da pesquisa

Para um intervalo de confiança de 95% e um tamanho de amostra de três mil entrevistas, a margem de erro máxima estimada foi de 1.8 pontos percentuais, para mais ou para menos. Estatístico responsável: Augusto da Silva Rocha, registrado no Conre 3 e no Conre 1 com o número 7655. O Instituto Ranking Brasil é registrado no Conre 1 com o número: 8561.

Veja a pesquisa completa aqui

Artigos relacionados

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Botão Voltar ao topo
Fechar