CidadeDestaqueEventosNotícias

Cata Guavira começa dia 20 apresentando veganismo e agrofloresta

O Cata Guavira é um evento que já entrou para o calendário de Bonito. Nessa época do ano, o aparecimento da fruta do cerrado nos pés e o costume antigo das pessoas catarem com balde para comer, fazer doce ou suco garantem também a essência do festival que ocorre há anos.

Mas no ano da covid-19, o evento vai ocorrer de maneira mais enxuta. Com programação limitada presencial e lives com convidados especiais que podem ser acessadas de qualquer lugar.

Esse ano, a ideia é trazer mais referências de sustentabilidade, como o curso de agrofloresta será ministrado em uma comunidade indígena e também ao lado do Rio Formosinho, para que as espécies plantadas interajam entre si e sirva para sustentabilidade.

O festival traz a agrofloresta e a culinária vegana como grandes soluções para os problemas enfrentados hoje que passa, por exemplo, pelo uso excessivo de água e escassez de recursos naturais.

As atividades presenciais serão limitadas porque a proposta, neste ano, em que também não é possível aglomerar, é levar o evento de maneira mais profunda para pessoas que querem realmente fazer a diferença, principalmente através da sustentabilidade.

O eixo de discussão do evento também será: “Cozinha a base de vegetais” que agora ultrapassa a área ambiental e chega à cozinha. Uma onda ecológica e sustentável vem ganhando força e conquistando espaço à mesa dos brasileiros.

O projeto Cata Guavira é idealizado pela chef de cozinha Letícia Krause, que tem mais de vinte anos de experiência. Nascida em Curitiba, mudou-se para Bonito onde se apaixonou pela biodiversidade e os produtos típicos do Cerrado. Engajada em desenvolver receitas veganas e vegetarianas com produtos, procura resgatar nos pratos a cultura dos povos genuinamente brasileiros. Letícia sabe como fazer as conexões corretas entre fornecedores existentes e inovações culinárias, atraindo grandes chefs para dividirem experiências gastronômicas com o sabor do Cerrado e Pantanal.

Na programação online, haverá live no dia 27 de novembro, a partir das 18h, com a chef Alana Rox, com o tema “Veganismo como um estalo de vida para uma vida plena e sustentável”. Alana é dona restaurante Purana em São Paulo (SP), referência na gastronomia vegana no Brasil. Ela também é apresentadora do Programa Diário de Uma Vegana no GNT.

Dia 28, às 10:00 h, tem aulas com receitas que levam guavira em seu preparo. A primeira aula é com a chef Chynthia Brant, que dará uma aula usando os produtos do Cerrado e Pantanal. Cynthia é chef de gastronomia formada na California e ministra aulas de culinária em diversos estados do brasil.

Às 11:00 h, Cynthia se junta a Alana para preparar um prato vegano, para os feirantes, clientes e convidados, que poderá ser comprado para levar para casa pelo valor de R$ 20,00.

Em seguida haverá sorteio de 2 rifas beneficentes para as Associações Pestalozzi de Bonito e Mascote Bonito.

Fonte: CGNews

Etiquetas

Artigos relacionados

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Botão Voltar ao topo
Fechar