CulturaInteressesNotícias

Festa literária ganha versão on-line e homenageia Clarice Lispector

A Flivi (Festa Literária do Vale do Ivinhema) ganhou versão on-line e está acontecendo em homenagem ao centenário da escritora Clarice Lispector, que completaria 100 anos de vida em dezembro de 2020. A autora brasileira marcou o mundo literário no século XX. A programação teve início no dia 20 deste mês e encerra hoje.

O evento é organizado pela Fundação Nelito Câmara, localizada em Ivinhema. Essa é a oitava edição e conta com café filosófico, debates e até oficinas. A proposta é disseminar a literatura através de discussões e interação com o público.

A festa acontece em parceria com escolas da rede pública da cidade e surgiu a partir de uma iniciativa de Leonimar Bacchiegas, que é professor mestre em Letras, diretor da Escola Estadual Reynaldo Massi e gestor cultural da Fundação Nelito Câmara. “A ideia nasceu quando fazia o mestrado em Literatura, é uma inspiração no Proler [Programa Nacional de Incentivo à Leitura]”, explica Leonimar.

“Como a fundação promove várias ações culturais e mobiliza artistas, intelectuais e shows; incorporamos a ideia de também ser uma festa literária”, diz o organizador da proposta.

Desde o primeiro dia, o evento contou com várias ações culturais. Diversos escritores e pesquisadores participam da festa, que também realiza mesas redondas e apresentação musical. Uns dos temas já abordados foram consumismo infantil e o ódio na internet, e racismo.

A bibliotecária, produtora e revisora de textos, Laura Siqueira participou do debate sobre os 100 anos de Clarice Lispector. A doutora em Literatura, Ana Arguelho e a atriz Lais Dória também discutiram sobre o tema e comentaram da importância da escritora na literatura. O músico Begèt de Lucena animou a programação com show virtual no segundo dia da festa.

Ontem ocorreu o debate sobre a experiência de leitura em Clarice Lispector no qual teve a participação especial da psicóloga Áurea Alencar, que é analista da leitura da autora homenageada e da coreógrafa, Gisela Dória Sirimarco.

O professor Leonimar Bacchiegas participando da festa on-line com os convidados. (Foto: Arquivo pessoal)

A programação encerra hoje, com a oficina de crônica literária, que será ministrada pela coordenadora pedagógica do Instituto Moinho Cultural, Marluci Brasil de Castro. A atividade acontece às 9h e é voltada para os alunos do ensino fundamental e médio.

Mais tarde, às 15h, tem o lançamento do livro “Depois daquelas férias”, de Rê Vieira. “Em decorrência da pandemia, estamos usando a plataforma Zoom e a plataforma disponibilizada pela SED [Secretaria Estadual de Educação], o Meet”, diz Leonimar.

As inscrições são gratuitas e devem ser realizadas através de um link, que Leonimar envia 30 minutos antes das atividades.  As vagas são limitadas para 250 pessoas, devido a capacidade da plataforma. “Todas as ações até o momento tiveram público volumoso”, comenta o organizador.

Mais informações e inscrições pelo contato (67) 99951-2080.

Fonte: CGN

Etiquetas

Artigos relacionados

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo
Fechar