InteressesNotíciasTurismo

Fogo no Pantanal não afeta turismo em Bonito e na Serra da Bodoquena

Compartilhar:

Apesar das queimadas que assolam o Pantanal na região de Corumbá, a Rota Turística da Serra da Bodoquena, que inclui os municípios de Bonito, Jardim e Bodoquena, permanece intocada pelo fogo e as atividades turísticas na região seguem em funcionamento. A região está inserida integralmente no Cerrado, mas sofre influências dos biomas Mata Atlântica e Pantanal.

No entanto, mesmo com essa influência, os focos de queimadas no Pantanal estão localizados a mais de 300 quilômetros de distância da Serra da Bodoquena, onde estão as áreas de visitação do Parque Nacional da Serra da Bodoquena, que é administrado pelo ICMBio (Instituto Chico Mendes). A região é conhecida por seus rios cristalinos, cânions, cachoeiras e rica biodiversidade.

“O fogo está bem distante das áreas de atrativos turísticos do parque e do seu entorno (região de Bonito e Bodoquena) e a visitação está normal, tudo normal”, explica chefe do Parque Nacional da Serra da Bodoquena, Sandro Roberto da Silva Pereira.

Já a secretária de Turismo de Bonito reforça que os mais de 40 atrativos do destino continuam operando sem quaisquer riscos de suspensão das atividades. “Não temos queimadas ou consequências delas, como fumaça; contamos com uma guarnição do Corpo de Bombeiros e as previsões meteorológicas são as melhores possíveis para a nossa região”, afirma o diretor de turismo do município, Elias de Oliveira.

A previsão do tempo para Bonito e região nas próximas semanas indica céu de ensolarado a nublado, com temperaturas variando entre 29 e 10 graus, e umidade relativa do ar acima de 60%. Esse clima, característico do inverno, favorece a realização de passeios ao ar livre em um ambiente agradável e sem chuvas.

 

Fonte:CGN

Artigos relacionados

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Verifique também
Fechar
Botão Voltar ao topo