DiversosNotícias

Com denúncias ao Procon, Detran-MS bloqueia CFC para novos atendimentos na Capital

Após uma série de denúncias e tendo sido autuado pela segunda vez somente no mês de fevereiro, o CFC (Centro de Formação de Condutores) Excelência, localizado na Rua 13 de Maio, região central de Campo Grande, sofreu um bloqueio administrativo por parte do Detran-MS (Departamento Estadual de Trânsito de Mato Grosso do Sul) e está impedido de receber novos alunos.

A informação foi repassada pela diretora de Educação para o Trânsito do órgão, Elijane Coelho e segundo ela, a partir de denúncias feitas no Procon, órgão de defesa do consumir no Estado, foi aberto um processo administrativo para a averiguação das irregularidades.

“O bloqueio foi uma medida cautelar, feita para que o Centro de Formação tenha a condições de finalizar o atendimento dos clientes já contratados e que foram prejudicados de alguma forma pela morosidade no atendimento prestado pela empresa”, explicou a diretora.

“A transferência entre CFCs pode ocorrer em qualquer tempo, não dependendo da autoescola de origem. Em caso de transferência, os valores referentes a taxas do Detran que já tenham sido efetivados são considerados, quanto aos serviços pagos à autoescola e que ainda não tenham sido realizados, o cliente deve tratar diretamente com o CFC ou buscar seu direito de consumidor através dos meios adequados” explicou.

É possível consultar as etapas já realizadas em seu processo por meio do portal de serviços do Detran, link Habilitação, Consulte sua CNH.

No caso do CFC Excelência, 1,3 mil alunos estão com processos de habilitação em andamento.

De acordo com informações repassadas pela assessoria de comunicação do Procon, apesar de ter sido autuada há 15 dias, várias denúncias contra a empresa continuaram chegando até o órgão estadual indicando que o CFC não teria repassando informações claras e adequadas aos clientes, demora na prestação dos serviços previamente pagos e acordados, vantagens manifestamente excessivas de precificação imprecisa e publicidade enganosa, o que já tinha sido constatado na primeira autuação.

Para o diretor-presidente do Detran-MS, Rudel Trindade, a parceria entre o Procon e o Departamento de Trânsito é de extrema importância neste momento, principalmente porque o foco do órgão tem sido o atendimento ao cliente. “Nossa missão desde o início é priorizar o cliente, o condutor, a pessoa que trabalha e seus tributos. Sabemos das dificuldades e nossa preocupação é atender aos nossos clientes da melhor forma possível”, reiterou.

Fonte: AsseCom

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo
Fechar