NotíciasPolítica

Contar repudia atitude de agentes públicos que forjaram imunização contra o coronavírus

Desde o início da imunização nacional contra a Covid-19, alguns vídeos circulam na internet mostrando a aplicação de seringas vazias. Os casos se tornaram virais pelas redes sociais causando indignação popular. As principais vítimas das fraudes, têm sido os idosos que fazem parte do grupo prioritário da primeira fase da imunização.

O Ministério Público de Mato Grosso do Sul tem investigado diversas denúncias no Estado e, nesta quarta-feira (24), a Alems aprovou, em primeira discussão, o Projeto que fixa multas para quem furar filas de vacinação contra a Covid-19.

O deputado estadual Capitão Contar (PSL) durante sessão remota na Casa de Leis, declarou seu voto favorável ao projeto e repudiou o ato praticado por agentes públicos. “Aproveito a oportunidade para repudiar atitudes de agentes públicos que de má-fé, forjaram a vacinação de pessoas e, também aqueles que se aproveitam do cargo para privilegiar entes próximos. Quebrando assim o protocolo de saúde, prejudicando o processo de vacinação em geral. É vergonhoso saber que isso aconteceu milhares de vezes no nosso país”.

Fonte: ALMS

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo
Fechar