InteressesNotícias

Curso de Turismo da UEMS/Dourados discute impactos e turismo em Bonito

Atentos a toda situação gerada pela pandemia do novo coronavírus (Covid-19) no setor turístico, o Curso de Turismo da Universidade Estadual de Mato Grosso do Sul (UEMS), unidade de Dourados, organizou uma palestra envolvendo representantes do segmento do município de Bonito (MS), região turística conhecida internacionalmente. A temática de palestra foi “Impactos socioambientais e turismo em Bonito /MS: discussões atuais”, uma proposta da disciplina Estudos Turísticos II, ministrada pela professora Camila de Brito Quadros.

No dia 23 de setembro, o curso de Turismo recebeu de maneira remota via Google Meet os convidados:  Augusto Barbosa Mariano, que é o atual Secretário de Turismo Indústria e Comércio de Bonito, e Manoel Cruz, chefe de recepção no atrativo turístico Recanto Ecológico Rio da Prata e egresso do curso. A palestra contou ainda com a presença do Diretor de Turismo de Bonito, Marcelo Gil da Silva, e dos acadêmicos/as dos 1º e 3º anos, além das professoras Marileth Portela de Matos, Maria Cristiane Fernandes da Silva Lunas e Patrícia Cristina Statella Martins, coordenadora do curso.

A professora Camila de Brito Quadros salientou a importância desse tipo de evento no sentido de oportunizar ações que contribuem para a formação do futuro profissional turismólogo. “Mesmo estando em diferentes localidades, conseguimos através da tecnologia, reunir e conectar pessoas para discutirmos um tema importante e atual em nosso estado: os impactos do contexto pandêmico em Bonito”, explica.

“ Os acadêmicos puderam conhecer o destino através da abordagem da Secretaria de Turismo, tiveram acesso aos dados recentes sobre o setor na região e de que forma estão sendo adotados os protocolos de segurança nos atrativos. Puderam também contar com a experiência de um egresso atuando em um dos mais importantes atrativos da região, que destacou em sua fala, dentre outros assuntos, a importância da qualificação do profissional e do atendimento aos visitantes e turistas, sobretudo nesse momento de retomada da atividade”, apontou a professora.

 

Fonte:UEMS

Etiquetas

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo
Fechar