CidadeDestaqueNotícias

Após denúncia da Interpol, PF busca prova contra suspeito de pedofilia em Bonito

Apenas 1 pessoa foi alvo, suspeita de repassar cenas de sexo explícito ou pornografia envolvendo crianças e adolescentes

Com base em dados da Interpol, a Polícia Federal deflagrou nesta manhã (23) em Bonito a operação Anjo Mau. Apenas uma pessoa é apontada como alvo de busca e apreensão, por compartilhar na internet cenas de sexo explícito ou pornografia envolvendo crianças e adolescentes.

A investigação começou no ano passado depois dos responsáveis por site de vídeos pornográficos adultos denunciarem o envio de conteúdo de pedofilia para o canal. A empresa funciona fora do Brasil, mas a partir dessas informações, a policia chegou a endereços aqui no País.

Hoje, equipe de 6 policiais federais de Campo Grande seguiram na madrugada para Bonito, onde cumpriram o mandado de busca e apreensão, expedido pela Justiça Federal de Campo Grande. Mas no local, nenhuma prova do crime em questão foi encontrada.

A PF não repassou detalhes da operação, mas diz que se chama “Anjo Mau” porque trata de mais um caso onde pessoas se passam por verdadeiros “anjos” para conseguirem a confiança das vítimas e produzir os vídeos.

A Polícia Federal lembra que a pena para esse tipo de compartilhamento vai de 2 a 6 anos de prisão.

 

Fonte: CGN

Etiquetas

Artigos relacionados

Um Comentário

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo
Fechar