Justiça mantém prisão de traficante detido em operação na antiga rodoviária
2019-02-12 10:36:08
A Justiça decretou a prisão preventiva de Felipe Riekstins de Amorim, 33 anos, conhecido como um dos principais fornecedores de drogas do entorno da antiga rodoviária, localizada no Bairro Amambaí, na região Central de Campo Grande. A decisão foi do juiz Vitor Luís de Oliveira Guibo em audiência de custódia realizada na manhã desta terça-feira (12) no Fórum.

Felipe, que era procurado pela polícia, e mais duas pessoas foram presas na manhã de ontem (11), durante abordagem da Denar (Delegacia Especializada de Repressão ao Narcotráfico) com o apoio da Polícia Militar. Com Felipe, os policiais encontraram 6 pedras de pasta-base de cocaína e cerca de R$ 199 em notas pequenas. 

Uma mulher de 29 anos flagrada com uma porção de maconha também foi levada à delegacia, mas liberada após prestar depoimento. Já outro suspeito de 39 anos que não teve o nome divulgado foi mantido preso depois de ofender os policiais, mesmo após ser liberado pela equipe. Felipe já responde a processos na Justiça por tráfico de drogas e furto. Ele deve ser transferido para um presídio da cidade. 
Fonte: CGN
Comentrios.
Deixe um comentrio.