Longe de ser a capital mais verde há seis anos, Campo Grande recebe 8 mil mudas
2018-09-21 10:39:11
Há seis anos Campo Grande não é mais a capital mais verde do país.  Para tentar voltar ao topo do ranking a prefeitura municipal distribuiu 8 mil mudas de espécies frutíferas nesta semana para comemorar o Dia da Árvore. Hoje 3,7 mil pequenas plantinhas de romã, acerola, carambola, pitanga, goiaba, jabuticaba e nêspera foram distribuídas para a população em frente ao prédio da Prefeitura e da Central do Cidadão. 

O amor da população pelas ‘verdinhas’ é tanto que as amostras terminaram em pouco mais de uma hora. “Não dá tempo nem de conversar. O pessoal vem desesperado querendo uma muda e quem pergunta nos damos orientação”, conta o gerente de fiscalização de arborização da Semadur, Orsival Simões Junior.  

Todas as pequenas árvores foram preparadas há um ano no Viveiro Municipal Flora do Cerrado especificamente para esta ação. “Elas não possuem raízes grandes. Precisam de água, carinho e adubo para crescer com vitalidade. São frutas que alimentam pássaros e pessoas. Têm muita vitamina”. 

A divulgação foi feita no início da semana, mas o sucesso mesmo foi o boca-boca e a maioria dos servidores do Paço Municipal foram garantir uma mudinha para o quintal de casa. “Tenho um jardim de inverno que está em obra desde o início do ano. Vou plantar esse pé de ameixa em um vaso para ver se pega”, conta a funcionária pública, Miriely Quintana. 

Pensando na saúde e nos benefícios que a natureza proporciona, dona Mara Lúcia Bernardes, 60 anos, pegou mudas de jabuticaba e amora. “Dá para fazer chá da folha da amora para melhorar os sintomas da menopausa. Em casa só tinha pé de manga. Agora o pessoal avisou no serviço que estavam distribuindo e todo mundo veio correndo pegar”, conta a funcionária do município.

Quem também garantiu árvores de jabuticaba em casa  foi Dieta Félix Garcia, 28 anos, que viu a notícia na internet e pegou duas amostras para ter no quintal de casa. “Elas (árvores) vão crescer junto com a Emanuelly, minha filha, de dez meses. Eu amo a fruto e tenho certeza que ela vai gostar também”.  
Fonte: CE
Comentrios.
Deixe um comentrio.