Polícia Ambiental autua cinco e aplica R$ 29,5 mil em multas durante o feriado
2018-06-04 12:51:53
A Polícia Militar Ambiental de Mato Grosso do Sul aplicou um total de R$ 29,5 mil em multas durante a Operação Corpus Christi, iniciada no dia 30 de maio e concluída às 8h desta segunda-feira (4). O número é maior do que o registrado no mesmo período no ano passado, quando R$ 15,1 mil em infrações foram dadas.

Apesar do aumento nas multas, os dados da corporação apontam para queda no número de pessoas autuadas. Os 280 homens que atuaram a operação flagraram cinco pessoas em ingrações ambientais, ante 12 no mesmo feriado em 2017.

Das cinco autuações registradas, três foram por pesca ilegal por falta de licença, o que não é crime, apenas infração administrativa. Na operação passada, das 12 ocorrências, sete foram por pesca, sendo duas pessoas presas por pesca predatória e 5 (cinco) foram por pesca sem licença

Foram apreendidos 15 quilos de pescado, número menor que os 22 quilos pescado durante a última operação. O número de petrechos proibidos apreendidos foi dentro do que se apreendeu na maioria das operações Corpus Christi anteriores. Também foram apreendidos três barcos e três motores de popa durante a operação.

Como explicação, a PMA alega ter verificado pouca quantidade de pescadores nos rios do Estado, provavelmente devido ao clima frio ocorrido no feriado prolongado.

Neste ano, além das pescas, uma autuação foi dada por desmatamento e uma por transporte ilegal de combustível. 

Com relação a crimes de natureza diferente à ambiental, houve a prisão de uma pessoa por tentativa de homicídio.
Fonte: CE
Comentrios.
Deixe um comentrio.