Tráfico ou herança: polícia tem duas suspeitas para assassinato nas Moreninhas
2018-01-09 12:28:40

Ainda no início das investigações, a Polícia Civil trabalha com duas principais suspeitas sobre a morte da corretora de imóveis Ana Paula de Souza, de 37 anos. Há a suspeita de que ela tenha sido assassinada com dois tiros por conta de uma briga por herança, que seria destinada para seu filho, ou dívida de tráfico de drogas.

De acordo com o delegado responsável pelo caso, Thiago Macedo, ainda é muito cedo para saber exatamente o que teria motivado o crime. "Nós já interrogamos algumas testemunhas, mas não dá nem para confirmar nem descartar nada".

"Foi levantada essa hipótese de briga por herança e também houve o murmurinho de dívida de tráfico, mas não dá para divulgar nada, porque pode prejudicar as investigações", explica o delegado.

Ainda conforme o delegado, foram recolhidas imagens de circuito de segurança de imóveispróximo à residência de Ana Paula, mas não em uma análise prévia não foi possível reconhecer o rosto do autor dos disparos.

Fonte: CGN
Comentrios.
Deixe um comentrio.