Projeto de História reúne municípios em Porto Murtinho
2017-11-04 09:24:33
“A Gente Soma e Faz História” realizou o fechamento das comemorações dos 40 Anos de Mato Grosso do Sul
Com o foco na aprendizagem do aluno e na autoria, no protagonismo juvenil, e na educação por meio da pesquisa, visando à formação do estudante como autor de seu próprio conhecimento, foi realizado mais uma edição do projeto “A GENTE SOMA E FAZ HISTÓRIA” na cidade de Porto Murtinho no último dia 30 de outubro (segunda-feira), fazendo assim o fechamento das comemorações dos 40 anos de Mato Grosso do Sul.

Uma proposta da Secretaria Estadual de Educação, a ação visou enaltecer a identidade e as memórias dos povos que compõem a sociedade pluriétnica de Mato Grosso do Sul, com intuito de promover ações culturais, artísticas, aliando as diversas áreas do conhecimento. 

O projeto foi idealizado pelo professor Elton Teixeira da Silva da Escola Estadual Bonifácio Camargo Gomes de Bonito. No último mês de agosto um grupo com cerca de 88 alunos participaram de uma expedição ao ciclo da erva-mate, onde conheceram a região sul do Estado e tiveram acesso às instalações da antiga Companhia Matte Laranjeira, hoje Fazenda Campanário, Escola Felipe de Brum, 17º Regimento de Cavalaria Mecanizado, cidade de Ponta Porã, Pedro Juan Caballero, e o Shopping China. 

O projeto aliou as disciplinas de História, Matemática e Artes, buscando a interdisciplinaridade, porém durante as pesquisas os professores Elton Teixeira, Adriana Turela, Maria Luisa Marchi, e Marineize Pleutim,  juntamente com os alunos compreenderam que o nome dado à escola “Bonifácio Camargo Gomes” além de doador do terreno, foi morador da cidade de Porto Murtinho e contador da CIA Mate Laranjeira, que utilizava o porto daquela cidade, sendo uma figura de destaque tanto em Bonito, quanto em Porto Murtinho.
Assim com o apoio da direção da escola foi realizado o contato com a Secretaria Municipal de Educação de Porto Murtinho, para ampliar o projeto e contemplar e destacar a figura do Bonifácio Camargo Gomes e a cidade, um dos municípios mais importantes para o desenvolvimento de Mato Grosso do Sul, pois, devido ao Porto de Exportações, passou por ciclos econômicos importantes que à época impulsionou para a economia do antigo Estado de Mato Grosso, rememorando a história e expondo a riqueza vivida por uma população no auge dos ciclos da erva-mate, tanino e charque.

Para o professor de História e pesquisador Braz Leon que participou da edição em Porto Murtinho o motivo de realizar o projeto e fazer a parceria, foi apresentar a história do Tereré e Chimarrão, hoje tão presente hoje na cultura sul mato-grossense, compreendendo a importância que a erva-mate assumiu desde o fim do século XIX, como produto chave da economia do nosso antigo sul do estado de Mato Grosso, levando a criação da Companhia Mate Laranjeira, bem como o inicio da exploração de imensos ervais nativos existentes na região sul do estado, a migração dada a partir do desenvolvimento das atividades da CIA Mate Laranjeira, e posteriormente o surgimento do sentimento divisionista, numa trama complexa de conflitos de interesses, que levou a criação do Estado de Mato Grosso do Sul.

Assim com a parceria firmada entre as prefeituras municipais de Bonito, Porto Murtinho, com suas respectivas secretarias de Educação, e Assistência Social, juntamente com as Escolas Municipais Durvalina Dorneles Teixeira de Bonito, Escola Municipal Bonifácio Gomes e Escola Municipal Tomaz Larangeira de Porto Murtinho, somou-se ainda os municípios de Caracol com a Escola Estadual Dr. Rubens Castro Pinto, de Jardim com Escola Estadual Coronel Juvêncio, e Escola Estadual Bonifácio Camargo Gomes de Bonito, e de Amambai Escola Estadual Coronel Felipe de Brum que juntas realizaram uma manhã de estudos sobre a história e as manifestações culturais de Mato Grosso do Sul na Praça de Eventos de Porto Murtinho.

A vereadora Fátima Vidotte representou o poder legislativo naquele evento e a secretaria municipal de Governo Sonia Ferreira representou o prefeito Derlei Delevatti, que estava cumprindo agenda na capital do Estado.

Os alunos ainda realizaram visitas à unidade militar do município, 2ª Companhia de Fronteira, sobre o comando do Major Edino Marques Alves Branco, sendo recebidos com excelência por uma equipe de militares, com exposições de materiais e palestras. Para receber atender os grupos com alimentação se mobilizaram, a Secretária de Assistência Social de Porto Murtinho através de sua secretária Nádia Maneck e sua equipe, junto com as cozinheiras da Escola Estadual José Bonifácio que ofereceram um cardápio seleto a mais de 110 participantes do projeto.

No período vespertino os participantes do projeto ficaram sobre os cuidados do pesquisador e historiador Braz Leon, que os conduziram a uma visita guiada contemplando os monumentos da cidade, para perceberem e compreenderem os atores que impulsionaram o desenvolvimento do município, e finalizaram com apresentações na Escola Estadual José Bonifácio, sobre a direção do professor Manoel, que envolveu todos os alunos e equipe pedagógica brindando a todos com belíssimas apresentações.

Fonte: Redação
Comentrios.
Deixe um comentrio.