Golpe usa programa CNH Social para enganar usuários
2017-11-04 12:22:42

Um novo golpe que passou a circular no WhatsApp usa o programa CNH Social, instituído em alguns estados do país, para enganar os usuários. O programa permite que a população de baixa renda ou desempregada tire a carteira de habilitação de graça. Mas não são todos os estados que oferecem o benefício.

Com a promessa de que há uma nova seleção de candidatos ao programa CNH Social, o golpe solicita que o usuário preencha dados pessoais, como nome completo, data de aniversário e Estado no qual reside. Em seguida, ele é induzido a compartilhar a falsa promessa com dez amigos ou em cinco grupos do WhatsApp.

Após clicar três vezes no botão compartilhar, ele é redirecionado para uma página no Facebook que contém posts sobre outros programas governamentais, como Bolsa Família e Minha Casa Minha Vida.

Golpe da CNH gratuita

Para Emilio Simoni, diretor do laboratório de segurança digital DFNDR Lab,  da PSafe, golpes. os golpistas podem ganhar dinheiro expondo ou vendendo os dados pessoais das pessoas que caírem no golpe.

Em São Paulo não existe o programa CNH Social. O candidato precisa desembolsar ao menos 361,23 reais, valor total das taxas cobradas pelo Detran-SP (Departamento Estadual de Trânsito de São Paulo) para tirar a carteira de motorista. O preço não contabiliza as aulas teóricas e práticas de uma autoescola. Se for reprovado, o candidato precisa pagar novamente as taxas ao Detran.

A orientação das empresas de segurança é desconfiar de qualquer qualquer promessa que chega por mensagens. É preciso checar sempre, preferencialmente entrando em contato com a empresa ou órgão do governo envolvido.

Outra recomendação é que o usuário mantenha em seu celular um software de segurança com a função antiphishing, capaz de analisar as ameaças do ambiente online.

Fonte: Veja
Comentrios.
Deixe um comentrio.