Vestibular volta na UFMS e alunos podem entrar por 3 formas diferentes em 2021
2017-10-27 08:31:43

Depois de decidir que a UFMS (Universidade Federal de Mato Grosso do Sul) não será mais uma instituição de ingresso 100% pelo Sisu (Sistema de Seleção Unificada), a universidade organiza agora mais dois métodos de processo seletivo. A ideia é que no ano de 2021, interessados em cursar graduação na universidade possam entrar por meio de três processos seletivos.

Independente do processo escolhido pelo aluno, o Enem (Exame Nacional do Ensino Médio) continuará sendo obrigatório, isso porque não haverá prova de redação nos novos processos seletivos.

Já no próximo ano, além do Sisu, a UFMS voltará a colocar em prática o vestibular, método extinto em 2010. Datas e detalhes do processo ainda serão definidos em reunião com o conselho de graduação, no mês de novembro.

De acordo com o pró-reitor de graduação, Ruy Caetano, a ideia é que as provas sejam realizadas em todos os campus da universidade, mas cursos com mais disputa, como Medicina e Direito, deverão ter avaliações concentradas em Campo Grande e em mais uma cidade do interior por medida de segurança.

Também a partir de 2018, iniciará a terceira “porta” para entrada na UFMS. O PASSE (Processo de Avaliação Seriado e Seletivo) é um método que contará com três provas divididas nos três anos do Ensino Médio. Ao final de cada ano, os alunos fazem as provas e as pontuações vão sendo somadas. Não haverá avaliação de redação, que fica exclusiva ao processo do Enem.

Com o processo valendo a partir do ano que vem, em 2021 ingressarão na universidade alunos que foram aprovados no PASSE. De acordo com a UFMS, no ano que vem 70% das vagas serão oferecidas para aprovados pelo Sisu e 30% pelo vestibular.

A proporção a partir do ano de 2021, com três métodos seletivos, ainda está sendo estudada. Os interessados poderão ser submetidos aos três processos seletivos simultaneamente para tentar uma vaga na universidade.

O ingresso na universidade por meio de cotas permanece garantido. No ano que vem serão ofertadas 4,6 mil vagas. Atualmente, em todos os campi da UFMS são 19 mil alunos.

Fonte: MM
Comentrios.
Deixe um comentrio.