Com armas potentes, grupo resgataria preso em consulta médica no Centro
2017-06-13 16:01:53

O grupo preso durante a Operação Cerberus desencadeada pela Polícia Federal na manhã desta terça-feira (13) resgataria Tiago Vinícius Vieira, 31 anos, interno do Presidio de Segurança Máxima em Campo Grande, durante escolta de consulta médica no Centro.

Em poder deles, foram apreendidos quatro veículos, seis pistolas, cinco coletes balísticos especiais, relógios, objetos de alto valor, além de R$ 8 mil. Dario Aparecido Cunha de Almeida Júnior, Matheus da Silva Alves, Deyvidson Júnior Lourival de Souza Oliveira e a namorada de Tiago, Mayara Alves de Souza, 25 anos, foram detidos em casa.

Ainda não se sabe com seria o resgate, mas segundo o delegado da Polícia Federal, Cléo Mazzotti,a ação seria violenta por conta da quantidade de armas. “A vida de civis e agentes da segurança pública seriam colocadas em risco”, afirma a autoridade policial.

Os mandados de prisão e busca e apreensão foram cumpridos na região dos bairros Rita Vieira, Morumbi e Itamaracá. Tudo indica, segundos a polícia, que as armas eram compradas no Paraguai e seriam revendidas no sudeste do País.

Momento em que a polícia prendia os três homens em casa.  Os mandados de prisão e busca e apreensão foram expedidos pela 1ª Vara Criminal de Três Lagoas (Foto: divulgação/Polícia Federal)
Momento em que a polícia prendia os três homens em casa. Os mandados de prisão e busca e apreensão foram expedidos pela 1ª Vara Criminal de Três Lagoas (Foto: divulgação/Polícia Federal)

Na cela, onde Tiago está preso, foram encontrados três celulares em poder dele. A ação em conjunto com a Agepen (Agência Estadual de Administração do Sistema Penitenciário) e policiais do Batalhão de Choque contou com 50 homens.

Os envolvidos, depois de ser analisadas a participação de cada um, podem responder pelos crimes de formação de organização criminosa, posse e comércio ilegal de armas de fogo de uso restrito e fuga de preso, cujas penas somadas podem chegar a 28 anos de prisão.

Apreensão - Os veículos apreendidos foram um Ford Ka prata, Ford Fiesta preto, Honda Civic preto e uma motocicleta Kawasaki 1100 cilindradas. Já as pistolas encontradas são de 12 milímetros, 9 mm e .40. Com os criminosos, foram localizados também um adaptador que transforma pistola em metralhadora.

Envolvidos falam sobre a operação realizada nesta manhã com apoio do Choque e Agepen (Foto: Marcos Ermínio)
Envolvidos falam sobre a operação realizada nesta manhã com apoio do Choque e Agepen (Foto: Marcos Ermínio)

Investigação - Segundo o delegado da Polícia Federal, Caio Martins de Lima, as investigações começaram em março, quando Tiago planejou tentativa de fuga da Penitenciária de Três Lagoas com uso de uma pistola calibre .380. A fuga dele, que teria apoio do grupo preso hoje, foi descoberta a partir da apreensão do aparelho celular apreendido em poder do interno.

O interno, então, foi transferido para o Presídio de Segurança Máxima da Capital, onde continuou com o plano de fugir. Ele com contava com o apoio do grupo, inclusive para contrabandear as armas de fogo. Tiago cumpre pena pelos crimes de porte ilegal de arma de fogo e tentativa de homicídio, enquanto ainda aguarda julgamento pelos crimes de uso de documento falso e porte ilegal de arma de fogo.

Ceberus, nome da operação, faz alusão à criatura responsável por impedir a fuga das almas de criminosos que tentavam escapar do inferno, de acordo a mitologia grega. Assista ao video. 

Fonte: CGNews
Comentrios.
Deixe um comentrio.