Para prefeito de Veneza, mudança climática é causa de enchentes
2019-11-14 13:11:30
O prefeito de Veneza se prepara para declarar estado de emergência depois que a segunda maior maré já registrada atingiu a cidade italiana com fortes chuvas.

As águas da enchente, chegando a 1.87 metros terão um impacto duradouro na cidade, alertou o prefeito Luigi Brugnaro. “Esses são os efeitos das mudanças climáticas“, disse ele em um post no Twitter.

Brugnaro classificou como uma situação dramática, postando vídeos e fotos da alta maré que inundou pontos turísticos. Havia várias imagens mostrando a Praça de São Marcos submersa em água e pessoas andando pelas ruas com água até os joelhos.

Um relatório de 2017 da Agência Nacional Italiana de Novas Tecnologias, Energia e Desenvolvimento Econômico Sustentável alertou que Veneza ficará submersa dentro de um século se as mudanças climáticas não forem lentas e as defesas adequadas não forem implementadas.

A conta oficial do Twitter da empresa de transporte público da cidade de Veneza Azienda Veneziana della Mobilita e cidadãos usavam a hashtag italiana #acquaalta (maré alta) para postar atualizações sobre a situação nas mídias sociais.

O incidente é o mais recente de uma série de desastres ambientais, à medida que surgem evidências de mudanças climáticas em todo o mundo. No início desta semana, mais de 70 incêndios ocorreram em Nova Gales do Sul, na Austrália, danificando propriedades e matando pessoas.

Fonte: AGB
Comentrios.
Deixe um comentrio.